domingo, 30 de março de 2008

A vida é quase, quase perfeita....

.... mas perfeita, perfeita é a Super Bock.


O acumular dos anos aperfeiçoa-nos os sentidos e molda-nos o ego.

Aprende-se a saborear uma bela cerveja, a conviver com a calvície e abandona-se a auto-comiseração.

A vida continua. Espontânea e imperfeita.
É a sua essência.

Deixo-vos com a música que me inspira nos momentos mais difíceis de ultrapassar.



Um comentário:

Carolina Caldeira disse...

AMO esta musica pura e simplesmente! são so uns acordes, umas palavras, mas que significam muito mesmo, e pra mim um significado mto especial, ajuda mais do que parece... Parabens pela escolha! :)
Bejoca*