quinta-feira, 30 de julho de 2009

terça-feira, 28 de julho de 2009

Oferendas.

Tenho uma capacidade inata de persuasão.
Não sei se é um apelo emocional ou de retórica.
Confesso que não sei.
Não existe nenhuma estratégia em particular, mas é um dado adquirido, que em 6 meses, consegui induzir metade dos recursos humanos da empresa onde trabalho para que me ofereçam presentes.
Presentes que vão desde gomas, bolo de chocolate, pastéis, sugos, chupa-chupas, bolos, a queijos alentejanos.
Um verdadeiro Fernando Mendes (literalmente) na hora de receber presentes.
Falta me receber o kit completo de uma Junta de Freguesia: medalha, boné, t-shirt e galhardete.


Muito obrigado!

domingo, 26 de julho de 2009

A Alma e a Gente.

Hoje, às 19:30, na RTP2, o Dr. Prof. José Hermano Saraiva vai falar sobre a vila de Palmela.

Podem perder o programa... mas vão arrepender-se.

sábado, 25 de julho de 2009

Influenza Porcina.

Hoje ouvi a opinião mais sensata sobre o tema que marca a actualidade:

- " É necessário arranjar uma vacina para prevenir a gripe e outra para a comunicação social ."

Na mouche.

domingo, 19 de julho de 2009

GPS















P.S.: E sim, sou um ordinário.
Isso ou um heterossexual assumido.

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Choque.

O programa da Fátima acaba e ninguém se digna a avisar-me?

terça-feira, 7 de julho de 2009

Mais um...

... Que se vai embora
















Gostava de ter visto o Licha com a braçadeira de capitão...
Não foi possível.
Paciência.
Não há muito mais a dizer.

Obrigado Licha...

domingo, 5 de julho de 2009

Gordo II

Prova da minha determinação em armazenar energia para o Inverno.

Gordo

Estou rabugento.
Dormi demasiado e mal.
Mal, porque não tenho a flexibilidade de uma contorcionista chinesa, mas continuo adormecer no sofá numa posição que quase me permite beijar as próprias costas.
Demasiado, porque em 19 horas, dormi 15 horas, com diversos intervalos para tratar da minha camada adiposa.
Sim, é tudo menos Verão e há que estar precavido para o frio.
Plim.
O forno chama.
Está uma lasanha à minha espera.
Adeus.